Ford Ecoboost 1.0, motor internacional do ano pela sexta vez

O Ford EcoBoost 1.0 foi eleito Motor Internacional do Ano 2017 no segmento de até 1.0 litro pelo sexto ano consecutivo. Esse prêmio é uma confirmação de que, desde o seu lançamento global em 2012, o motor turbo compacto de três cilindros da Ford continua imbatível e entra para a história como o mais premiado da categoria.

O EcoBoost 1.0 foi eleito “Melhor Motor até 1.0 litro” por um júri de 58 jornalistas automotivos de 31 países, inclusive do Brasil. Este ano, a categoria contou com 35 motores, nove a mais que no ano de estreia do EcoBoost 1.0. Os jurados elogiaram a combinação de desempenho, economia de combustível e tecnologia do propulsor.

No Brasil, o EcoBoost 1.0 é oferecido desde o ano passado no New Fiesta, com potência de 125 cv. Na Europa, ele está disponível também em versões de 100 cv e 140 cv.

“O motor Ford EcoBoost ainda é o melhor 1.0 de três cilindros do mercado, apesar do lançamento de motorizações mais recentes”, diz Dean Slavnich, co-presidente do 19° Motor International do Ano realizado em Stuttgart, na Alemanha e editor-chefe da revista Engine Technology International. “Ainda mais impressionante é ele ser o primeiro motor da categoria a vencer o título em todos os anos em que concorreu.”

Nova tecnologia

No início de 2018, o motor EcoBoost 1.0 litro vai agregar uma nova tecnologia para reduzir ainda mais o consumo, desativando automaticamente um dos cilindros quando a capacidade máxima não é necessária. Exemplo de engenharia avançada, essa tecnologia permite desativar ou reativar um cilindro em 14 milissegundos – 20 vezes mais rápido que um piscar de olhos – sem comprometer o desempenho ou o refinamento.

“O motor EcoBoost 1.0 é um divisor de águas a tornou-se a referência em motores compactos e eficientes, com tecnologias sofisticadas de turbo, injeção direta de combustível e duplo comando variável de válvulas”, diz Joe Bakaj, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto da Ford Europa. “Mesmo com dez prêmios de Motor Internacional do Ano conquistados, ainda estamos encontrando caminhos para avançar na engenharia e entregar ainda mais benefícios para os clientes do EcoBoost.”

Fonte: www.ford.com.br

Ford reduz preços do Fiesta em até R$ 3.900; linha Fiat fica mais cara

A ford anunciou nesta quarta-feira (5) uma redução nos preços do Fiesta. O hatch ficou até R$ 3.900 mais barato, dependendo da configuração. A tabela mais “amigável” só não vale para as versões mais básicas.

Entre as versões com câmbio automatizado de dupla embreagem, a versão SEL teve o preço reduzido de R$ 67.090 para R$ 63.190 (redução de R$ 3.900). A Titanium ficou R$ 1.200 mais em conta, passando de R$ 70.190 para R$ 68.990. Por fim, a topo de linha Titanium Plus, com motor turbo, teve redução de R$ 500, chegando a R$ 73.990.

As versões com câmbio manual também tiveram o preço reajustado para baixo. A SEL passou para R$ 58.590 (contra R$ 60.790 de antes), e a SEL Style agora custa R$ 59.790, contra os R$ 61.290 de antes.

Curiosamente, as opções de entrada, SE (R$ 53.660) e SE Style (R$ 56.590), não sofreram alterações.

Fiat aumenta

Fiat Mobi 2018 (Foto: Divulgação)

Fiat Mobi 2018 (Foto: Divulgação)

A Fiat aumentou os preços de parte de sua linha. A principal novidade é o Mobi 2018. Agora com menos versões (cinco), as opções com o sobrenome “On” deixam de ser oferecidas. Com isso, voltam alguns pacotes de opcionais.

A versão Easy, que agora começa em R$ 33.700, antes era vendida por R$ 33.030. Ela ainda pode receber um pacote com vidros e travas elétricos, limpador e desembaçador traseiro por R$ 1.890.

Já o Uno, que antes começava em R$ 42.680, na versão Attractive 1.0, agora não sai por menos de R$ 43.320, e alcança os R$ 55.580 no catálogo Sporting com câmbio automatizado.

Modelos mais caros também foram reajustados. A picape Toro, que antes partia de R$ R$ 84.590, agora é vendida a partir de R$ 85.860.

https://www.slavierobsb.com.br/wp-content/themes/slaviero